Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema

  • 5 Respostas
  • 895 Visualizações

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

*

Offline joaocosta

  • Administrador
  • Nivista
  • *****
  • 217
  • +23/-1
    • ueBe.biz
  • Viatura: Não tenho
  • Distrito: Santarém
Dificilmente poderão fazer estragos a quem vai dentro de um jipe, mas poderá danificar gravemente o jipe  >:(


Citar
Trilhos armadilhados para ferir ciclistas

Uma ameaça quase invisível está a assustar os praticantes de BTT no Minho. No meio dos caminhos foram encontrados cabos de aço e arame com o intuito de fazer cair os betetistas e travar a sua passagem.



"Esperemos que não morra ninguém, porque da forma como os arames são colocados e à altura a que estão, entre o peito e o pescoço dos betetistas, podem causar a morte ou ferimentos muito graves em pessoas que só querem fazer desporto e andar na natureza", disse, ao JN, Rúbem Leite, praticante de BTT em Vila Nova de Famalicão.

Nos montes de Braga, Guimarães, Famalicão e Monte Córdova, em Santo Tirso, nos trilhos por andam os amantes de bicicletas todo o terreno, estão a ser colocados cabos de aço e arames presos às árvores que podem causar a queda dos ciclistas e, em casos mais graves, ferimentos ou até a decapitação.

"No passado domingo, encontrámos uma corda de aço em Airão Santa Maria (Guimarães) que podia ter cortado o pescoço aos betetistas que iam na frente do grupo e que estava presa a dois eucaliptos", afirmou Ricardo Araújo, praticante de BTT, com um grupo informal de amigos que, nos dias bons, pode chegar aos 50 membros. O mesmo grupo já tinha encontrado arames nos trilhos de Castelões, em Famalicão.

Nuno Lopes, da Associação de Ciclismo do Minho (ACM), conhece o problema. "Já na época passada tivemos casos idênticos, mas nunca se conseguiu apurar quem colocava as cordas", afirmou.

Entre os praticantes de BTT existe a convicção de que as "armadilhas" são colocadas por proprietários que não querem as bicicletas a passar pelos seus terrenos ou caçadores para quem as bicicletas parecem perturbar a caça.

"Nos terrenos onde há avisos a indicar que é propriedade privada, nós não entramos mas, nos montes que não estão vedados e onde já existe caminho, passamos porque não há nada a proibir a passagem", explicou Ricardo Araújo. Em Santo Tirso, pelo menos uma pessoa teve de receber tratamento médico aos cortes que sofreu no pescoço quando "esbarrou" com um cabo de aço.

Primeira queixa na GNR

As autoridades têm conhecimento de algumas situações, mas não há queixas. A primeira deve ser apresentada na próxima semana na GNR de Famalicão e os betetistas estão já munidos de fotografias e vídeos, bem como da localização das armadilhas.

Apesar das suspeitas recaírem sobre "os donos dos terrenos e caçadores", os praticantes da modalidade têm consciência da dificuldade em provar a autoria da colocação dos arames.

"Temos receio de que a moda pegue e comecem a aparecer cordas e armas em mais locais", finalizou Nuno Lopes, da Associação de Ciclismo do Minho.

Fonte: Jornal de Notícias

Se encontrarem estas situações no monte, por favor, contactem as autoridades.
Nivista uma vez, Nivista para toda a vida...

*

Offline Luis Santos

  • Moderador Global
  • Nivista Doutor
  • *****
  • 695
  • +41/-1
  • Depois de um Niva... SÓ OUTRO NIVA!!
  • Viatura: Lada Niva 1.9D
  • Distrito: Setúbal
Re: Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema
« Responder #1 em: 20 de Fevereiro de 2015, 11:46:59 »

Ou coloquem aqui para ficarmos a saber a zona. Se bem que ia haver alguem nas redondezas a levar com um Niva sem matricula pela casa a dentro!!!  :P
... Só à estaLADA!

*

Offline skinnie

  • Nivista Júnior
  • **
  • 42
  • +5/-0
Re: Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema
« Responder #2 em: 20 de Fevereiro de 2015, 20:40:59 »
Tenho visto isso mas nunca me aconteceu...

*

Offline Luis Santos

  • Moderador Global
  • Nivista Doutor
  • *****
  • 695
  • +41/-1
  • Depois de um Niva... SÓ OUTRO NIVA!!
  • Viatura: Lada Niva 1.9D
  • Distrito: Setúbal
Re: Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema
« Responder #3 em: 20 de Fevereiro de 2015, 21:09:18 »
Há que respeitar os trilhos particulares, mas bolas, isto pode decapitar uma pessoa.
... Só à estaLADA!

*

Offline joaocosta

  • Administrador
  • Nivista
  • *****
  • 217
  • +23/-1
    • ueBe.biz
  • Viatura: Não tenho
  • Distrito: Santarém
Re: Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema
« Responder #4 em: 21 de Fevereiro de 2015, 09:46:48 »
Já tinha visto cortarem um caminho público com um buraco feito com uma retroescavadora para não passarmos de jipe, mas como eramos só gajos doidos, aquilo foi uma festa  ;D pois só queriamos era estar metidos no "buraco".

Acho que era mais respeitoso e mais respeitado se tivesse colocado uma placa a dizer "Terreno Privado"
Nivista uma vez, Nivista para toda a vida...

*

Offline Tiroloco

  • Nivista Doutor
  • ****
  • 448
  • +23/-0
  • Viatura: Lada Niva 1.9D
  • Distrito: Aveiro
Re: Tem acontecido ao pessoal do BTT, mas podemos encontrar o mesmo problema
« Responder #5 em: 23 de Março de 2015, 10:46:13 »
A mentalidade deste país cada vez me decepciona mais! É mesmo criminoso isto, mas infelizmente já começa a ser hábito.
Eles ainda não perceberam que isso não estraga nada e até é bom porque tem pessoas a circular e que muitas vezes evitam que aqueles parasitas do fogo posto façam das deles.
Eu só praticamente de airsoft e a uns anos organizei um evento e tinha apenas um dono que não autorizou porque não queria ninguém propriedade. Ironia do destino durante o evento o mato dele "pegou" fogo e foram os jogadores que deram o alerta aos bombeiros e acabam por apanhar o incêndiário.
Enfim mentalidades e todo cuidado é pouco!